quarta-feira, 14 de março de 2012

Da Prensa: Motoqueiro Fantasma - Estrada Para a Danação

por
Macgaren

Após anos como Motoqueiro Fantasma, Johnny Blaze finalmente foi capturado pelo inferno e tem passado os últimos anos pagando o preço de seu acordo (ou alguém achava que ele ia escapar pra sempre?) condenado a ficar eternamente tentando escapar do reino do tinhoso e falhando miseravelmente em todas elas. É aí que começa Estrada para a Danação, história escrita por Garth Ennis e ilustrada por Clayton Crain.

 
O Motoqueiro é contactado por um anjo que quer usá-lo para apagar algumas...digamos,manchas no currículo angelical. Manchas essas que pode libertar um dos demônios mais poderosos do Inferno.
 O trabalho do Motoca é simples: Chegar ao Diabão antes que o enviado do Céu e o do Inferno pois isso iria escancarar  as sujeiras do Anjo. Em troca o Motoqueiro ganharia a tão sonhada liberdade e poderia correr livremente pela Terra com os Cabelos as chamas ao vento.


Estrada para Danação foi a história que reintroduziu o Motoqueiro Fantasma ao Universo Marvel após alguns anos de ausência do personagem e ele voltou em grande estilo. Mas antes quero começar falando do que mais me surpreendeu na história: Os desenhos do Crain.
Devo fazer um mea culpa: nunca fui muito fã da arte digital do cara. inclusive a primeira vez que li essa história quando ela foi publicada e Marvel Max também achei os desenhos ruins e quase tão escuros e embaçados do que os do Bill Sienkiewicz (Sim! tive de copiar o nome do Google. Acho que nem ele sabe como escreve).Mas impressionante o que um papel de melhor qualidade pode fazer: A arte do Crain parece ter sido feita para o papel LWC dessa edição e toma uma vida própria impressionante e seu estilo mais sombrio combina perfeitamente com o motoca flamejante.


Não menos interessante é o roteiro de Garth Ennis que mostra os conflitos entre Céu e Inferno de uma forma mais política e que não é só porque alguém é o enviado do Céu que é bondoso(muito pelo contrário devo dizer). O selo Marvel Knights deu a liberdade ao autor pra se soltar e literalmente não poupar ninguém . Algumas passagens da história aliadas à já citada arte do Crain são de chocar.
Mas o roteiro também guarda espaço para um humor negro que está sempre presente durante a história e que ajuda a quebrar o clima...digamos,demoníacoda história.


Mas não é só a história que merece elogios:A edição da Panini também está infernal! Além do já citado papel lwc,temos uma capa cartão e um acabamento luxuoso que fica muito legal na estante. A único ponto negativo é que eu,não sei porque, achei que seria capa dura.Mas como isso não é culpa da editora e sim do meu mundo imaginário então não vem ao caso.
A Panini podia publicar mais coisas nesse formato. Nós, os colecionadores, agradecemos.
Estrada para a Danação é recomendada com ressalvas para os que tem algo contra mexer com religião. Nesse caso talvez você se ofenda com as coisas como são mostradas aqui.Mas se esse não é seu caso vai fundo que vai gostar da história.


Motoqueiro Fantasma: Estrada para a danação custa R$18,90 e está disponível numa banca perto de você.

3 comentários:

Renver disse...

Quanto que tá o preço dessa criança?

Anônimo disse...

Lilian




18,90 Dilmas

Deka disse...

"Estrada para a danação custa R$18,90 e está disponível numa banca perto de você."

Não ta não, procurei aqui, vou ter que ver no Centro.

Postar um comentário

Todos os comentários e críticas são bem vindos desde que acompanhados do devido bom senso.