quarta-feira, 9 de abril de 2014

Dos Criadores de Batman - The Deal... Conheça Superman - God's End

por
Corto de Malta
 

Após darem sua versão para o fim da história do Batman e do Coringa (veja aqui), Gerardo Preciado e Daniel Bayliss resolveram fazer o mesmo com o Superman.


Na HQ feita para a Internet Superman - God's End (algo como Superman - O Fim de Deus) vemos um Homem de Aço envelhecido que viajou por muitos outros mundos filosofando sobre a vida na Terra.

Infelizmente desta vez ninguém se animou a fazer uma persão em português pra história de Preciado e Byaliss, então vamos resumir: o Superman volta de um exílio no espaço sideral após muitos anos. Ele recorda seu passado, quando salvou várias vidas por várias vezes. 

E abstrai fazendo uma espécie de comparação entre a vida em outros mundos e a vida que os humanos criaram na Terra, com guerras, fomes, doenças dor e morte. Ele então conclui que os seres humanos são maus e sempre serão maus. Assim... o Superman destrói o Planeta Terra!

Veja:


Fiquei com a mesma impressão que tive quando li The Deal. E não foi exatamente uma boa impressão.

Preciado é um roteirista de futuro, Bayliss é um desenhista talentoso, os dois podem ser cheios de boas intenções... mas as hsitória em si soa pretensiosa e rasa... especialmente se compararmos com o que outros autores e artistas já fizeram com o personagem envolvendo o mesmo ponto de vista e temática.

É óbvio que existe outra solução para o Superman que não seja destruir o mundo, assim como existia outra solução para o Batman que não fosse se matar com o Coringa.

Para convencer que os personagens chegariam a esses extremos passando por cima do que ambos defendem como sagrado, a vida, as HQs tinha que ser bem mais contundentes e dificilmente se conseguiria isso em meia dúzia de páginas.

Inclusive, pelo visto God's End teve menos impacto internet afora do que The Deal teve. De qualquer forma vale o esforço... e sacada de desenhar o Super com a cara do Alan Moore.

FONTE: Judão.

2 comentários:

Renver disse...

Eu já achei coerente... e bem melhor que a a HQ do Batman dessa linha...

Humanidade escrota... VEZ APÓS VEZ TENTOU AJUDAR,ORIENTAR ELA E A MESMA CONTINUOU SE MOSTRANDO MESQUINHA E EGOÍSTA...

Agiu certo destruir ela antes que ela infecte outros planetas.

Acho que combina com o conceito do herói que foi moldado no Deus hebraico/cristão que muitas vezes tentou corrigir os seus servos e estes não aprenderam, até uma hora que se enfezou e deu um fim em tudo...

Eric Rafael Alves disse...

Achei bem bacana, e não acho justo chamar de pretensiosa e rasa comparando com trabalhos de outros autores, pois ela é apenas um "túnel do tempo" feita pra internet, e sem essa preocupação filosófica.
Se fosse melhor desenvolvida em uma versão com mais páginas, dando mais ênfase aos motivos que levaram o Super-homem a tomar essa atitude, acredito que teria seu lugar na estante de muita gente.

Postar um comentário

Todos os comentários e críticas são bem vindos desde que acompanhados do devido bom senso.